Informação profissional para a indústria de plásticos portuguesa

Aimplas inicia investigação para desenvolver métodos mais eficientes de reciclagem de materiais compósitos

30/09/2020

O principal objetivo do projeto europeu Sparta, coordenado pela Aimplas, com a participação da Tekniker, é encontrar um novo método de reciclagem e reprocessamento de materiais termoplásticos compostos que reduza a quantidade de resíduos gerados pela indústria aeroespacial, bem como o seu impacto ambiental. Outro objetivo é a conceção de métodos de fabrico mais eco-eficientes. A Aimplas centrará os seus esforços na melhoria do reprocessamento dos materiais recuperados através da deposição automática, analisando as propriedades dos resíduos obtidos, e preparando um guia de conceção ecológica e de boas práticas que facilite a rápida expansão da tecnologia.

foto

A indústria aeroespacial está a aumentar a utilização de materiais compósitos devido às vantagens que estes oferecem em termos de redução de peso e resistência. Um dos inconvenientes destes materiais compósitos é a complexidade da sua reciclagem.

Em resposta a este desafio, a Aimplas está a coordenar o projeto Sparta, com a participação da Tekniker. Ambos os centros de investigação irão desenvolver um novo método de reciclagem para o processamento e reprocessamento dos resíduos destes materiais. Especificamente, a Tekniker contribuirá com os seus conhecimentos e experiência em corte mecânico para o desenvolvimento e otimização de um processo inovador de desmantelamento mecânico, através de simulação e experimentação, enquanto que a Aimplas vai concentrar-se na melhoria do reprocessamento de materiais através de deposição automática e moldagem por compressão. Este método tornará possível utilizar até 80% dos atuais resíduos aeroespaciais em comparação com outros métodos de reciclagem mecânica, reduzir o tempo de processamento até 50% através da redução do número de etapas na recuperação de resíduos, utilizar métodos de reprocessamento automático mais eficientes, reduzir as emissões de CO2 até 30% através da utilização de resíduos, e diminuir a procura de material virgem.

O resultado serão novos produtos termoplásticos compostos de alta qualidade fabricados com materiais reciclados a um custo de produção 15 a 20% inferior aos atuais procedimentos, devido a uma redução do número de operações e automatização dos processos de fabrico. A Aimplas será também responsável pela análise das propriedades do produto final, bem como pela preparação de um guia com recomendações de ecodesign para a expansão industrial do processo.

O projeto teve início este mês e terminará em outubro de 2022. Recebeu financiamento do programa de Investigação e Inovação da UE Horizon 2020 no âmbito da ‘Clean Sky Joint Technology Initiative’, ao abrigo do acordo de subvenção número 887073. Este projeto está alinhado com o SDG 12 sobre consumo e produção responsáveis, SDG 13 sobre ação climática, e SDG 9 sobre indústria, inovação e infraestruturas.

Polímeros e equipamentosmoldplas de 9 a 12 nov. 2022 Batalha. Portugal. Salão de máquinas, equipamentos, matérias-primas e tecnologia para moldes e plásticos

Subscrever gratuitamente a Newsletter semanal - Ver exemplo

Password

Marcar todos

Autorizo o envio de newsletters e informações de interempresas.net

Autorizo o envio de comunicações de terceiros via interempresas.net

Li e aceito as condições do Aviso legal e da Política de Proteção de Dados

Responsable: Interempresas Media, S.L.U. Finalidades: Assinatura da(s) nossa(s) newsletter(s). Gerenciamento de contas de usuários. Envio de e-mails relacionados a ele ou relacionados a interesses semelhantes ou associados.Conservação: durante o relacionamento com você, ou enquanto for necessário para realizar os propósitos especificados. Atribuição: Os dados podem ser transferidos para outras empresas do grupo por motivos de gestão interna. Derechos: Acceso, rectificación, oposición, supresión, portabilidad, limitación del tratatamiento y decisiones automatizadas: entre em contato com nosso DPO. Si considera que el tratamiento no se ajusta a la normativa vigente, puede presentar reclamación ante la AEPD. Mais informação: Política de Proteção de Dados

www.interplast.pt

InterPLAST - Informação profissional para a indústria de plásticos portuguesa

Estatuto Editorial