Atlas Copco Rental: ar comprimido
Informação profissional para a indústria de plásticos portuguesa

“Portugal vai ter a médio prazo energia mais barata e competitiva”

28/11/2022
Afirmação foi proferida por António Costa e Silva, que acrescentou que 60% da energia consumida no País já provém de fontes renováveis “altamente competitivas”.
foto

Ministro da Economia e do Mar, António Costa Silva, na inauguração do novo centro da Nokia de investigação e desenvolvimento em 5G e 6G, Alfragide, 28 novembro 2022. Foto: Portal do Governo.

Na opinião do ministro da Economia e do Mar, António Costa e Silva, Portugal está no caminho.

O ministro afirmou mesmo que “Portugal vai ter a médio prazo energia mais barata e mais competitiva”. Em causa a elevada percentagem de energia consumida – mais de 60% - originária de fontes renováveis.

As afirmações foram proferidas aquando da inauguração do novo centro da Nokia de investigação e desenvolvimento em 5G e 6G, em Alfragide. Sobre o novo centro de I&D da Nokia Portugal, o ministro disse que a empresa é muito “bem vinda” a Portugal, assim como os seus investimentos, porque a empresa “está em linha” com as preocupações nacionais de transição energética.

Empack - Logistics & Automation 19 - 20 abril 2023

Subscrever gratuitamente a Newsletter semanal - Ver exemplo

Password

Marcar todos

Autorizo o envio de newsletters e informações de interempresas.net

Autorizo o envio de comunicações de terceiros via interempresas.net

Li e aceito as condições do Aviso legal e da Política de Proteção de Dados

Responsable: Interempresas Media, S.L.U. Finalidades: Assinatura da(s) nossa(s) newsletter(s). Gerenciamento de contas de usuários. Envio de e-mails relacionados a ele ou relacionados a interesses semelhantes ou associados.Conservação: durante o relacionamento com você, ou enquanto for necessário para realizar os propósitos especificados. Atribuição: Os dados podem ser transferidos para outras empresas do grupo por motivos de gestão interna. Derechos: Acceso, rectificación, oposición, supresión, portabilidad, limitación del tratatamiento y decisiones automatizadas: entre em contato com nosso DPO. Si considera que el tratamiento no se ajusta a la normativa vigente, puede presentar reclamación ante la AEPD. Mais informação: Política de Proteção de Dados

www.interplast.pt

InterPLAST - Informação profissional para a indústria de plásticos portuguesa

Estatuto Editorial